6 de abr de 2011

Canção do Amor-Perfeito


Eu vi o raio de sol
beijar o outono.
Eu vi na mão dos adeuses
o anel de ouro.
Não quero dizer o dia.
Não posso dizer o dono.


Eu vi bandeiras abertas
sobre o mar largo
e ouvi cantar as sereias.
Longe, num barco,
deixei meus olhos alegres,
trouxe meu sorriso amargo.


Bem no regaço da lua,
já não padeço.


Ai, seja como quiseres,
Amor-Perfeito,
gostaria que ficasses,
mas, se fores, não te esqueço.



Cecília Meireles
In: Retrato Natural

3 comentários:

  1. Ao cair da noite,no regaço da lua de um amor mais que perfeito sorri a poesia de Cecília Meireles
    Maravilhoso blog
    Um abraço

    ResponderExcluir
  2. Amo Cecília desde minha meninisse.
    Que delicia seu espaço.
    Bjins entre sonhos e delírios

    ResponderExcluir
  3. Anita e Reflexo d'alma,
    Esses caminhos eu também percorro desde a meninice,quisera eu, poder postar tudo o que gosto e guardo, para alegrar mais o blog, mas o tempo e a saúde dificultam um pouquinho,...
    Grande abraço,uma semana belíssima a vocês!
    Beijosssssssss

    ResponderExcluir

Muito grata por seu comentário, ele é muito importante para nós!

Seja bem-vindo. Hoje é